Quarta-feira, 15 de Abril de 2015
Cair não é fraquejar.

 

Há uns dias não sei o que me deu. Mas tudo o que era a cores ficou triste e cinzento e a minha perspectiva em relação a tudo ficou temporariamente detorpada. E aí chorei, para depois me sentir fraca.

Mas agora, emocionalmente recuperada e com a devida distância dada pelo passar dos dias, apercebi-me: aquilo era exatamente o que eu precisava naquele momento. Precisava de libertar a frustação, a tensão e a angústia. 

Deixar-nos cair, chorar, sentir e revoltar não é demonstrar fraqueza.

É que por vezes precisamos de cair, para depois nos levantarmos com uma nova força.



publicado por Sofia às 12:02
link do post | comentar | favorito (1)

1 comentário:
De PedaçosdeSonho a 15 de Abril de 2015 às 12:07

É mesmo isso: cair não é sinal de fraqueza.

Tal como digo no post que publiquei ontem: “É que às vezes, para podermos seguir em frente, encontrar outras soluções e outros caminhos, temos primeiro que perder tudo. Voltar à estaca zero, em que mais zero é impossível. Dar a queda previsível, mas inevitável”

A partir daqui, tudo irá melhorar*



Comentar post

Mais sobre mim
Tenho 24 anos. Gosto de comida saudável, de fitness, de filmes antigos e livros. Gosto de viagens e pequenos prazeres como fazer festas à minha cadela. Sou louca por roupa e maquilhagem.Porque frequentemente sonho acordada, nem sempre estou presente quando estou. Não gosto falta de delicadeza ou más respostas porque sim. Não gosto de alface ou de pessoas que não sabem argumentar numa discussão. Tenho mau feitio, mas estou a tentar melhorá-lo. Talvez um dia até mude o nome do blog. Quem sabe?
Posts recentes

Estou pronta para voltar.

A salada que me deixa de ...

Black Friday.

É vergonhoso...mas ainda ...

Muitas coisas estão prest...

Estou cansada.

A brincar com probabilida...

Ena pá...mais um desafio.

Arquivos
Leituras